Crunch, crash, pow: voc? se emocionou.

Pode ser medo, compaix?o, perplexidade, ?dio, amor, paix?o.

N?o faz muita diferen?a pois quando nos emocionamos uma das coisas que acontecem ? uma rea??o bioqu?mica que “desliga” as partes mais racionais do nosso c?rebro entregando nossos pensamentos para a parte que cuida das emo??es e que deixa de se desenvolver mais ou menos quando temos 3 anos.

Quando nos emocionamos somos todos crian?as de 3 anos.

Essa rea??o dura 90 segundos. Provavelmente era por isso que nossos av?s nos mandavam contar at? 10 quando nos irrit?vamos. Se tivessem mandado contar at? 90 o mundo provavelmente seria bem diferente.

Infelizmente uma boa parte das ideias que usamos para construir nossas cren?as nascem justamente dentro desses 90 segundos.

N?o esperar o ciclo das emo??es n?o nos faz apenas tomar decis?es ruins na hora. Pode influenciar toda nossa vida.

A? est?o as ra?zes da maioria dos preconceitos, ?dios e da credulidade que nos torna vulner?veis a v?rios tipos de manipula??o.

O segredo n?o ? apenas esperar 90 segundos antes de pensar sobre a situa??o, ? se acalmar durante esse per?odo.

Ao se emocionar viva sua emo??o. Sinta-a, observe onde ela d?i (se for ruim) ou onde ela te aquece (algumas emo??es boas tamb?m nos fazem ficar leves). Deixe que ela percorra seu corpo, sua mente e sua alma. Normalmente n?o h? pressa em tomar decis?es quando nos emocionamos e emo??es s?o um milagre raro da consci?ncia.

Depois dos 90 segundos voc? poder? vivenciar outras dimens?es das suas emo??es raciocinando sobre elas.

Para saber de onde veio essa singela regrinha dos 90 segundos d? uma olhada no post Jill Bolte Taylor e o Hemisf?rio do Nirvana.