Minhas dez intolerâncias mais uma…

Quadro Operários de Tarsila do Amaral - 1933

Quem me conhece sabe que não gosto muito da ideia de tolerância, que a vejo como uma intolerância educada: A pessoa acha feio, ruim, abjeto, errado… Mas tolera…

Sendo assim não tolero a diversidade étinica, cultural, comportamental, eu realmente a admiro. Adoro os diferentes sotaques, cores de pele, culturas e crenças.

Mas tem coisas que não tolero e nem acho que devem receber o tratamento eufêmico da tolerância.

Vi no post A Virtude da Intolerância: Dez coisas que você não devia tolerar (em Inglês) dez delas. E tem mais uma. Quem advinha qual é minha décima primeira intolerância?

  1. Pessoas de mau agouro
  2. Ódio
  3. Desonestidade
  4. Hipocrisias
  5. Gente que não assume responsabilidade pelo que fez
  6. Fofoca
  7. Desperdício de tempo (com várias ressalvas)
  8. Ingratidão
  9. Auto-comiseração
  10. Medo (é mais ou menos o mesmo que ódio)

Meu problema é só com o 7. Desperdiçar tempo só no sentido de gente que realmente joga fora a vida de quem está ao redor. O que é jogar fora o tempo para um é aproveitar para outro. Aqui o desperdício de tempo talvez fosse melhor traduzido como a perversidade de quem faz os outros gastarem seus tempos com coisas que não lhes darão qualquer proveito, mas beneficiam o perverso.

E o décimo primeiro que eu francamente colocaria em primeiro lugar? O que será? E o seu décimo primeiro?

Imagem: Tarsila do Amaral – Operários (1933)


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Pin It on Pinterest

Share This

Share This

Share this post with your friends!