Capa do livro A Culpa ? das Estrelas

Tem na Cultura em papel e em epub.

Todos dizem que choram litros com esse livro, mas…

Ops! Antes de mais nada: Pode ler sem medo pois n?o fa?o spoiler, ok? Quer dizer, n?o vou contar nada da hist?ria que estrague a gra?a de l?-la.

… Mas ? verdade, a maioria chora mesmo! hahahaha!

Apesar disso eu n?o chorei. Veja bem, choro f?cil com coisas… bem, com quase tudo; mas ? poss?vel que voc? ria mais do que chore acompanhando a hist?ria de Hazel e Augustus.

Voc? deve saber ao comprar o livro e ler a primeira p?gina que a protagonista Hazel est? com c?ncer e pode achar que ? uma hist?ria de gente morrendo, mas ? uma hist?ria de gente vivendo intensamente.
Esse “viver intensamente” n?o ? “la vida loca” como em tantas outras hist?rias com o mesmo pano de fundo. ? viver intensamente como todos n?s dev?amos viver.

Sabe, voc? e eu vamos morrer. Isso ? chato, mas ? verdade. Pode ser em alguns minutos, eu posso ter morrido logo depois de clicar “publish” nesse post. A diferen?a ? que n?o tem ningu?m nos dizendo “olha, voc? n?o tem nem 24h de vida” enquanto quem tem um c?ncer terminal pode ter quase certeza que n?o vai durar muito tempo.

Bem… Mesmo assim tem gente que dura apesar de todas as expectativas em contr?rio. Isso me lembra de Asimov, Sagan e Hawking que participaram de uma entrevista juntos h? 20 anos quando todos achavam que o Hawkins n?o ia durar muito e agora ele ? o ?nico vivo dos tr?s…

S? que isso n?o tem nada a ver com A Culpa ? das Estrelas, o que tem a ver ? que John Green escreve para adolescentes, mas sabe respeitar a intelig?ncia deles (n?o posso me incluir no grupo pois sou um cara de 47 anos – considerando que n?o morri hoje, v?spera do meu anivers?rio – ainda que amigos digam que sou uma menina adolescente) e nos d? um livro gostoso de ler, com uma estrutura liter?ria que, se n?o ? erudita, tem seus momentos l?ricos e bem elaborados capazes de encantar qualquer adulto que n?o tenha se tornado duro e amargo.

Praticamente cada p?gina do livro tem alguma reflex?o ?tica, moral ou de vida (pode chamar de espiritual tamb?m), mas sem ter o menor tra?o de ser um texto educativo ou coisa assim, o que vemos s?o pessoas como n?s pensando no sentido da vida e buscando realiza??es como todos n?s dev?amos estar fazendo.

Toda vez que algum amigo diz que chorou muito lendo ACDE eu penso com meus bot?es (algu?m ainda usa roupa com bot?es que pensam?) que triste ? vida desperdi?ada, ? viver superficialmente.

A gente faz isso com muita frequ?ncia, eu mesmo n?o ando muito bem nesse quesito e talvez devesse chorar por mim mesmo, mas o que recebi de Hazel e Augustus foi for?a, determina??o, arte, bastante arte, e intelig?ncia.

Dentro da hist?ria tem outra hist?ria e um mist?rio, mas n?o digo mais que isso hehehehe!

Tem gente que acha que literatura precisa ter considera??es filos?ficas e tal, eu n?o acho, eu acho que literatura ou qualquer outra hist?ria precisam nos emocionar. S? que, quando ela tamb?m causa aquela emo??o profunda, quando mexe com nosso jeito de ver a n?s mesmos a? ela se torna inesquec?vel. A Culpa ? das Estrelas ? assim!

? importante dizer que a tradu??o est? excelente, a tradutora se chama Renata Pettengill. Foi o primeiro livro que li traduzido por ela, mas a mo?a j? entrou para minha lista de bons tradutores. O tradutor faz toda a diferen?a em um livro! Pena que algumas editoras n?o levem isso a s?rio.

Ah! Vai ter filme, olha o trailer (no filme acho que vou chorar!)
[youtube]Qps9Id2wYlg[/youtube]

Cr?ditos da imagem: Noite Estrelada de Van Gogh (do blog de Roman Shymko)