Já deve fazer mais de 20 anos… Estava na Cinelândia depois de sair do cursinho pré-vestibular e passava no Odeon um dos filmes do Rambo, uma porcaria. Pelo menos era o que eu achava mesmo sem ter visto.

Na porta do cinema esbarrei em um amigo (o sumido Fábio Campioni) que insistiu que eu fosse ver o filme com “a galera”. Seu argumento final foi: se não viu como pode dizer que é ruim?

Era ruim…

Mesmo assim ele tinha razão, por isso recentemente acabei lendo os quatro Harry Potters. Ruins…

Agora em respeito a uma velha amiga fui reler o Mídia Sem Máscara, abri uma dúzia de artigos, li e descobri o seguinte:

  • Aparentemente nosso povo não deve votar pois eles não admitem que um governo de esquerda tenha sido eleito. Além disso este é um país dominado não pelo poder do capital Estadunidense, mas por um milionário poder econômico de esquerda;
  • O que acabou com a Argentina foi a estatização e dá para mostrar isso em uns 10 parágrafos;
  • Para o capitalismo não ser nocivo basta que os economistas estudem humanas e que se decretem os bons princípios de moral que abraçam o maniqueísmo;
  • Além da conspiração de esquerda devemos nos preocupar com a invasão das atrocidades muçulmanas afinal a esquerda agora é muçulmana;
  • Eles tem pena dos brasileiros (pensei que eles fossem brasileiros) porque querem formar um bloco econômico independente dos EUA quando Adam Smith já dizia no século XVIII que abrir tudo para os mercados exteriores é ótimo!
  • Tem certas ironias que nem sei como comentar;
  • O mais homicida e irreponsável ideário da face da Terra foi o socialismo. Imagino que o Fascismo ou o Nazismo sejam opções preferíveis então…
  • Os pobres militares que impediram que o Brasil virasse uma Cuba agora são perseguidos pelos exilados que retornam. Será que eles acham que todos deveriam ter sido mortos? Imagino que eles lamentam a sobrevivência de gente como Chico Buarque e Villa Lobos…
  • Está em produção um filme sobre o “Cidadão Boilesen”, mas é necessário garantir que não se diga que ele esteve envolvido em torturas, aparentemente seja isso verdade ou não;
  • Palestino é do mau mesmo;
  • A ideia de propriedade inexistente em sociedades que não destroem o seu meio ambiente e presente nas bases da cultura ocidental é algo muito bom e um direito natural dos humanos que buscam a posse, e não viver bem.

É… Não tem jeito, não concordo nem com 10% do que se defende no Mídia Sem Máscara.