Agora mãos à obra! :)

Hoje fomos às urnas e, com vasta maioria, decidimos não proibir o comércio de armas no país. Tirando uma minoria desesperada que temia conspirações internacionais ou nacionais para invadir nosso país tenho certeza de que votamos...

consulte Mais informação