Aten??o, esse n?o ? um coment?rio amargo, pessimista ou conformista, mas pode dar essa impress?o…
Tenho plena consci?ncia de que as nossas mobiliza??es aqui ou offline s?o in?teis em termos pr?ticos. Que o desejo mais profundo de qq ser vivo, animal como n?s, vegetal, fungo etc. ? o prazer e querer consertar o mundo s? ? prazeroso para megaloman?acos, ou seja, a maioria est? certa em querer curtir seu seu folhetim, game ou farra com outras pessoas…

Fico me perguntando se devia me empenhar menos nas causas que acho que nossa civiliza??o devia estar priorizando:

  • um modelo civilizacional que colabore para manter o clima do planeta adequado ?s formas de vida atuais e que permita a todos a plena realiza??o dos seus potenciais (ou seja, nada de mis?ria, trabalho infantil e mulheres castradas)
  • liberdade religiosa, e para isso ? necess?rio que n?o aceitemos que nenhuma posi??o religiosa tenha poder sobre aqueles que n?o a seguem (isso inclui v?rias formas de ate?smo muito embora as amea?as mais s?rias venham de teismos) e que o discurso religioso n?o participe do governo incluindo escolas p?blicas. Usar o poder do estado a favor de uma religi?o ? um dos maiores ataques poss?veis ? liberdade religiosa (e n?o, ci?ncia n?o ? religi?o)
  • colocar ao alcance de todos o conhecimento cient?fico e, acima de tudo o pensamento cient?fico que talvez seja o ?nico instrumento capaz de nos unir a despeito das diferen?as culturais e religiosas. Al?m disso a ci?ncia ? a principal for?a conduzindo a estrutura da nossa civiliza??o e precisamos entender seu mecanismo para escolher sabiamente. Mas, acima de tudo, sem a metodologia cient?fica nossas emo??es transformam belas intui??es em loucos dogmas (a maioria nem s?o religiosos como considerar o povo idiota)
  • defender os direitos das mulheres, gays e etnias v?timas de preconceito sendo esses sintomas de uma dificuldade de empatia por serem condi??es perfeitamente naturais que n?o dependem de escolha. Transformar a intoler?ncia contra esses grupos alimentando a admira??o (toler?ncia n?o pois ela n?o passa de intoler?ncia disfar?ada) da nossa riqueza cultural e biol?gica ? um passo decisivo para uma sociedade onde todos podem explorar seu potencial e serem respeitados. Os ataques a esses grupos s?o sintomas do mesmo mal que alimenta a intoler?ncia religiosa e a guerra contra a ci?ncia… Duas das principais ferramentas (se n?o as ?nicas) para construir uma civiliza??o digna dessa classifica??o.

Mas ser? que eu n?o estaria fazendo mais por essas causas se falasse menos sobre elas?

Ser? que ao levar assuntos t?o dif?ceis aos amigos n?o acabo por cans?-los fazendo desejar o repouso na aliena??o?

Seria mais eficaz voltar ? abordagem sutil dos contos e cr?nicas que abordam esses temas muitas vezes sem que ningu?m note a n?vel consciente?

? que tenho grande dificuldade em ver pessoas ferindo essas coisas que acho t?o fundamentais e n?o responder clara e diretamente…

Bem… Seguirei refletindo pois agora a caminhada j? terminou (escrevi isso voltando a p? de Ipanema a Copa com uma parada no mercado ainda h? pouco) e tem amigos esperando para sairmos juntos… N?o devo ser t?o chato afinal ;-)