"Se voc acha normal, engraado ou justificvel uma pessoa se servir sexualmente de outra que no est plenamente consciente do que est fazendo creio que voc tem um problema srio a resolver"
Como todos sabem no vejo BBB pq acho chato, tipo 10% mais chato que novela, mas naturalmente observo o entorno, afinal sou daqueles que, quando entra uma mulher linda na festa e todos olham para ela eu foco minha ateno na reao das pessoas :)
Olhando aqui de fora me parece que uma moa bebeu demais, apagou, um cara abusou dela como pode sobe um edredon, a moa lembra de ter dado uns beijos e ter dado umas passadas de mo (por favor, amigos com menos de 18 anos conversem com seus pais sobre esse meu post).
H vrias coisas interessantes a observar sobre isso.
1- Moralmente foi estupro (e acho que legalmente tb) mesmo que a moa no se incomodasse (e ela parece incomodada);
2- A prpria vtima se mostra resignada. Fato que se repete milhares de vezes por dia e mascaram os nmeros reais do estupro no Brasil;
3- Mais uma vez algumas pessoas (uma minoria, receio) se coloca contra o fato demonstrando sua indignao enquanto outras pessoas retornam ao que considero uma ladainha sexista e perversa de que a vtima culpada por ser sexy ou por no se manter sempre alerta e pronta a se defender. E temo que esse ltimo grupo seja a maioria, ou pelo menos seja o mais ruidoso, pois do contrrio a emissora e rgos legais como a OAB prontamente se posicionariam para atender o clamor da populao que precisam agradar.
Esse tem 3 ficou enorme… Mas no tinha como.
Eu realmente s no vejo o BBB pq acho chato e j disse que penso que quem odeia ver at comentrios sobre ele precisa observar seus sentimentos e descobrir o que causa isso. No entanto me parece bem claro que o programa acaba sempre trazendo tona questes importantes.
Tirando raras excesses o BBB o programa que mobiliza mais gente em nosso pas a cada ano englobando at mesmo quem no se importa com ele (quem odeia fica to envolvido quanto quem ama) e isso nos ajuda a entender melhor o zeitgeist da nossa populao e nosso lugar nele.
Acho um erro tomar o programa como um sinal dos tempos, indicao clara de que a sociedade est doente e segue desembalada rumo ao fim, o que pode suscitar esse tipo de receio a forma como as corporaes manipulam as pessoas no sentido de transform-las em objetos e atores do consumo vazio etc.
o BBB um bom termmetro do que atinge nossas emoes coletivas, no de tudo que as atinge (se fosse tudo concordaria com as concluses pessimistas), mas algumas coisas que calham de acontecer diante daquelas cmeras.
Acho a indignao com o caso de estupro um timo sinal, no o estupro, claro, a indignao. Se o BBB acabar hoje j fez um papel importante.
At onde vi um estupro to comum que certamente cada um que chegou at aqui nesse post conhece mais de uma mulher que foi vtima dele… E mais de um homem que o praticou, provavelmente com a prpria namorada.
Francamente duvido que a emissora ou a OAB produzirem ou no alguma punio para o agente do suposto estupro (tenho que dizer suposto para no me ferrar) tenha algum efeito positivo ou negativo a respeito do que a sociedade pensa a respeito do que aconteceu.
Se ele for punido ser um regalo para gente como eu, mas o que definir o efeito desse episdio na sociedade a reao da gente a quem acha que foi algo normal. Se a maioria deles for desaprovada por boa parte dos amigos teremos dado um passo substancial frente, se a maioria deles encontrar aprovao da maioria dos amigos continuaremos mais ou menos no mesmo lugar… Mas se cada um deles for desaprovado por pelo menos UM amigo j estaremos avanando!
Por isso comecei esse post do jeito que comecei: Quem quer que caia nesse post saber que desaprovo enfaticamente esse comportamento.