Compartilhei esse vdeo no Facebook dizendo somente: Bem explicadinho, n?

[youtube]P0A_iF1B3k0[/youtube]

Tem legendado tambm: Voc Conhece Deus? (Legendado)

Meus amigos fizeram comentrios como:

Deus … Matemtica? (Sorry, no resisti, rs)

Explicadinho (embora nem tanto assim) se “Deus” for entendido como sendo necessariamente uma entidade religiosa mxima. Mas, se no for, t explicadinho nada.

e

Engraado, eu sou esprita, mas concordo com o ateu. ahuauhauhauhauhauha o Deus que EU acredito diferente de todos esses a, s concordei com o cara falando que Hitler vai pro inferno.

Ento achei que eu devia pelo menos ter dito que acho que o vdeo tem pouco ou nada a ver com deuses e sim com as crenas das pessoas e escrevi o que segue. Achei que valia a pena copiar para c.

Na verdade o vdeo fala sobre o fundamentalismo e radicalismo religioso, n gente?

As pessoas normais percebem que a experincia religiosa algo pessoal e, mesmo achando estranho algum perceber Deus de outra forma, no tem o impulso de tentar impor sua experincia pessoal a outros, muito menos a ponto de interferir nos direitos de terceiros. Essas pessoas esto em busca de Deus. Frequentemente de um Deus vivo que elas conhecem cada vez melhor conforme vo modificando sua cultura.

No entanto vemos hoje uma sria ameaa s religies vinda das pessoas retratadas no vdeo, gente que tem pouca ou mesmo nenhuma relao com nossa percepo mstica e que na verdade se imbuem de poder divino declarando-se porta-vozes (t certo esse plural?) do criador do Universo convenientemente criado por elas.
Muitos fazem isso sem perceber que esto sendo egocntricos e arrogantes. Todos ns devemos ter bons amigos, que so boas pessoas e que amamos, mas caram nessa crena falaciosa por medo ou ignorncia.

O vdeo chega a falar de uma abordagem cientificista para a experincia mstica que tambm pode ser vista como uma religio ou os primrdios de uma “nova” religio, o Deus matemtico conhecido atravs da cincia. Afinal a percepo mstica um impulso natural de quase todos os humanos (s conheci dois ateus de raiz at hoje) e seguiremos tendo essa forte sensao de que existe algo sobrenatural.

Apesar de achar que o vdeo tem bem pouco a ver com misticismo vale lembrar que nem todo misticismo tem a viso de um Deus criador. At mesmo no espiritismo que bem conhecido no Brasil o papel de Deus bem distante, em muitos casos at inexistente.

Imagem: 123freevectors