N?o existem. Nada ? ordin?rio ou sem gra?a. ? o observador que perde o senso de ?xtase.

Vim caminhando com um amigo por Botafogo, falando banalidades s?rias. Estas coisas de que tem que reclamar da vida sim! Reclamar e fazer algo para ir conquistando sempre um pouco mais.

E por falar nisso lembro de hoje de manh?. Um cartaz pol?tico dizia “n?o reclame, vote!”. Eu hein? Reclamo sim!

O assunto foi mudando, falei sobre um livro de gest?o do conhecimento que a gente escreveu e n?o publicou. J? est?vamos descendo as escadas do Metr? de Botafogo quando ele sugeriu publicar l? fora, em outros pa?ses de l?ngua portuguesa. Boa id?ia.

Chegou o trem dele e fiquei l? na esta??o ? espera do meu. Com sede. Nossa! Quanta sede!


Sucata Coca
Por RoneyB.

Esta m?quina ai me seduzia com a nada saud?vel promessa de l?quido gelado.

Ali?s, que m?quina decadente, n?? Faz tempo que est?o assim. As m?quinas de Coca mais parecem geladeiras de tuba?na.

Ao menos era instigante a esta??o que se estendia amarelada sob a luz artificial e povoada por uns poucos espectros que se dissipavam em seu torpor individual.

Comprei – e paguei caro – uma Coca. Veio quase quente. Nem bebi. Guarde. Agora est? l? em cima no congelador. Mais um pouco acho que congela.
Demorado aquele trem, sabe? A esta??o ia enchendo e eu ia pensando (sempre vou pensando) nos pensamentos escondidos atr?s dos rostos duros que lentamente enchiam a plataforma.

Tinha – l? no vag?o que peguei – um rosto que n?o era duro. O rosto de uma mo?a com seus vinte e quase trinta anos. Era um rosto que sorria, mas sorria o tempo todo! Sem relaxar por um segundo sequer.

Voc? consegue imaginar um destes sorrisos apertados que enfeitam o rosto com um vasto tra?o de l?bios?

E um par de olhos que brilha e forma ruginhas? Era um sorriso t?o persistente que incomodava. Parecia que achava tudo ao redor muito hil?rio, rid?culo mesmo. Acho que a mo?a estava com problemas, algum tipo de anestesia esquisita, sei l?. S? sei que ela volta e meia mexia na boca como se estivesse tentando medir a extens?o do sorriso. Bem, era esquisito, mas pelo menos era um rosto diferente na multid?o de carrancas fechadas.