Esse clipe da HollySiz apareceu na minha TL do FB.

Enquanto assistia percebi pela primeira vez que a protagonista ? apenas um exemplo de divergente igual a nerds, artistas, santos, cientistas.

H? pessoas que fogem ao padr?o geral, s?o os loucos, os santos ou os g?nios que permitem que a gente se modifique, que a gente crie um mundo cada vez mais humano, diversificado e belo.

Sei que algumas pessoas podem n?o gostar que eu coloque transg?nero como uma diverg?ncia, mas fa?o isso com muito carinho por me identificar.

Tamb?m ? verdade que sou apenas um nerd, uma pessoa que sempre pensou um pouco fora da caixa. N?o ? o tipo de desvio de padr?o que atrai ?dio contra a gente e muito menos que fere profundamente nossa identidade, mas ao ver a menina (eu sei que ? um menino transg?nero e portanto ? uma menina, combinado?) sendo rejeitada, isolada… Me lembrei de ter me sentido exatamente assim at? os meus 15 ou 16 anos.

Talvez eu queira colocar a diverg?ncia da defini??o de g?nero ao lado de outras que s?o muito mais suaves por considerar que o tratamento n?o devia ser diferente.

Nerds, artistas e outros “loucos” recebem at? carinho de muita gente. N?s n?o dev?amos ter outra coisa al?m de carinho uns pelos outros…

Vejam o clipe…