Rivotril

Coisas que não conhecemos. O mundo está cheio delas. Um milhão de trecos perfeitamente cotidianos para um bilhão de pessoas. E para você? Um nome totalmente novo, um fato completamente inesperado.

Pelo jeito muita gente toma este Rivotril, para se acalmar ao que parece. Descobri que existia graças ao blog da Elisa que se chama justamente Rivotril.

Gostaria de conhecer todas as coisas, pelo menos ter uma vaga noção para saber onde procurar quando esbarrar em algo novo.

– Ah! Fofis! Não fosse meu Rivotril! Sei não! Acho que empacotava de vez e deixava um monte de sorrisinhos sádicos ao redor do meu caixão!

Okay, o Google ajuda bastante se a gente chegar bem perto da grafia do que procuramos, não é? Para Rivotril ele retorna uns 5 mil resultados.

Só que no meio de uma conversa não tem como virar para o lado, conectar o PDA, fazer uma busquinha rápida no Google e seguir o papo sem que ninguém perceba!

– Porra! O cara veio por trás do meu carro! Eu parada no sinal, pensando na vaca morta da vizinha e escutando o D2. Ai aquela batida no vidro, a cara do moleque bem grudada nele e aquela ameaça “Tia! Dá dez reáu senão furo teus peneu!” e mostrou uma faquinha mixuruca! Ah! Se eu tivesse um Rivotril!!

Aquela pausa, os membros da confraria do Rivotril rindo e eu, por fora, “Puxa, dá vontade de atirar no cara numa hora destas, mas não acho uma boa idéia, foi bom você não ter uma Rivotril com você” e a gargalhada é geral!

Atualizando em 5/08/2007
================
Em dois anos muita gente veio parar neste post. Uns vieram em busca do Rivotril para se dopar e muitos outros vieram para alertar a respeito dos perigos de usar uma droga forte como esta.

Diante disso decidi acrescentar aqui três links para grupos que ajudam as pessoas a se livrarem de vícios (pessoalmente rejeito qq coisa que me escravize e vício para mim é escravidão):

Blogs interessantes

  • Tici: tem um testemunho de vida legal a dar sobre o uso de Rivotril

445 thoughts on “Rivotril”

  1. PESSOALLLLL SOCORROOOO HJ EU Q PRECISO DE AJUDA….
    ESTOU TOMANDO RIVOTRIL 0,5 E TEGRETOL 200 MG COM ACOMPANHAMENTO PSQUIATRICO HÁ MAIS OU MENOS 3 MESES TIVE MELHORAS MAS ULTIMAMENTE ESTOU EM CRISE….
    NAO SEI SE POR CAUSA DA TPM OU OUTRO MOTIVO, POIS MINHA MENSTRUAÇAO ESTA QUASE NO FINAL!!!
    ESTOU MT ANSIOSA….UMA ANSIEDADE SEM MOTIVO ALGUM, PERDI TODA FOME, ME ALIMENTO OBRIGADA…ME DÓI A BARRIGA…AQUELA DORZINHA DE MEDO, SENSAÇÃO DE TEMOR SEI LÁ…..
    TENHO PANICO DE TD, ATÉ DE TOMAR BANHO SOZINHA AS VEZES……
    ME AJUDEM PESSOAL, ABRAÇO A TODOS

    1. Oi Camila,

      Algumas pessoas que amo muito sofrem de depressão ou de ansiedade e me sinto muito próximo de você por causa disso, sabe?

      Em três meses, como você disse, já dá para sentir melhoras quando se faz um bom tratamento, mas é importante ter perseverança para as recaídas que acontecem.

      Com o tempo elas vão diminuindo e você também passa a encará-las com mais força e confiança de que vão passar até que um dia você pode até não precisar mais dos remédios tendo que recorrer a eles só ocasionalmente.

      A menstruação realmente pode atrapalhar um bocado.

  2. É incrível como vc nos alivia querido Roney…obrigada pela atenção q dá a todos do site, pela força e carinho!!!!
    Hj acordei bem melhor, e qdo li seu post fiquei mais animada pra encarar esses percalços da vida!!!!
    Mt obrigada mesmo e que Deus o abençoe a cada dia mais

    Um abraço

  3. Roney, gostaria de saber sobre uma coisa: eu estava com taquicardia, dormência,tontura,dores no peito, frio, medode morrer, falta de ar,etc.,faz 3 mese. Comecei com Rivotril e melhorei muito,porém, como todos sabem, a sindrome nao melhora, apenas ameniza. Agora, tenho a sensação de que o coração, em vez de disparar, cai nos batimentos. Às vezes está lento e eu sinto um repuxinho na garganta. Quando sinto a pulsação, ela está bem lenta – tentei medir e fica entre 70 e 94, dependendo. A Síndrome pode fazer a pulsação cair ao invés de aumentar pela taquicardia, ou isso é o Rivotril segurando a taquicardia. Ah, também estou comproblemas na cervical. Este repuxo pode ser da coluna e ela influenciar no coração, já que pressiona os órgãos e influencia osistema nervoso? Vc tem MSN?

    1. Oi Rodrigo,

      Bem, não sou médico nem nada, sabe? Este post aliás começou com uma brincadeira sobre a minha ignorância a respeito do Rivotril.

      Nestes anos vendo os comentários aqui acabei aprendendo alguma coisa, mas não o bastante para te ajudar nestes aspectos médicos. O que o seu médico lhe disse, a propósito?

      O que eu sei sobre ansiedade e depressão aprendi lendo aqui e conversando com amigos próximos que tem estas síndromes.

      Tudo que posso oferecer é a minha opinião sincera.

      Eu realmente acho que vivemos uma época de transição que nos deixa ou ansiosos ou deprimidos e, para lidar com isso precisamos de muita reflexão, muita arte (para fortalecer o espírito), exercícios (que fortalecem nossa mente) e, algumas vezes, de remédios.

      No entanto o remédio é como um gelol no músculo dolorido, ele alivia. Para curar a gente precisa cuidar e é ai que entram as coisas que falei acima (arte, exercício, um psicanalista…)

      Sobre os problemas com o coração tem um estudante de medicina (que será um grande médico, tenho certeza) que deixou um comentário mais acima dizendo que o Rivotril (em doses normais, claro) não é nocivo para o coração. Dá uma olhada no comentário 178 (É do Andrey)

  4. Olá a todos…estava lendo o comentério do Rodrigo e ri sozinha….claro q não pelo sofrimento dele e sim p q só essa última semana pensei q fosse morrer umas 30 vezes…..qquer respiração ou aceleração dos batimentos cardíacos era infarto….qualquer tontura, derrame cerebral…e assim vai rsrsrs….o jeito é aprendermos a lidar com isso e levar tudo com bom humor rsrsr…pois se fosse assim , eu já teria morrido há mt tempo….e é simplesmente td da nossa cabeça…..se soubessemos trabalhar essa máquina geniosa q é nosso cérebro, não precisaríamos NUNCA mais de Rivotril, nem qquer outro medicamento…..

    Bjs a todos

  5. Olá…
    Gostaria de ajuda.
    Há algum tempo comecei a sentir a chamada despersonalização/desrealização. Fui no psiquiatra e relatei as sensações. Achei que era stress, ele também e me receitou o rivotril sublingual, de 0,25 mg. Tomei por uma semana (ele recomendou), depois que parei sentia a desrealização, as vezes, nos fins de semana.
    Semana passada voltei a sentir as sensaçoes, voltei a tomar o rivotril e estou aguardando o medico (so tinha dia 14/08) tomei durante uma semana novamente e ontem resolvi parar já que as sensaçoes de despersonalizaçao almentam e diminuem sem eu saber porque (sou ansioso, já tive problemas com bulimia, mas a partir das sensaçoes de desrealizaçao estou cuidando da ansiedade e tirei a bulimia da minha cabeça). Mas a desrealizaçao ainda nao foi embora totalmente.
    Existe cura pra essa coisa? Será que devo continuar tomando o rivotril até a consulta?
    É isso, aguardo uma orientação. :)

    1. Oi Jr,

      Seu médico falou para vc usar o Rivotril por apenas uma semana? Ele deixou um telefone para vc tirar dúvidas? Talvez valha a pena dar uma ligada para ele.

      Desculpe não poder ajudar mais, é que sou apenas um analista de sistemas e blogueiro que teve a benção de ver um post que era apenas uma brincadeira virar um ponto tão legal para as pessoas se ajudarem!

      1. o médico que fui era “particular”. Não voltei nele por causa de $$$. Agora que tenho unimed estou esperando a consulta com outro médico.
        Vou ‘recomeçar’ a terapia, mas só dia 14/08. :(

  6. O pessoal do posto não sabe. Eu tomei a primeira dose uma vez, mas não estava tomando rivotril.
    Vc sabe, no posto, os enfermeiros não ligam para explicações, infelizmente. Ainda existem aqueles médicos que pouco se importam com seus pacientes ou com as pessas.
    Vou tentar perguntar.

    1. Olha, sei bem do que vc fala… Hoje em dia médico bom é um problema, aliás, qq profissional bom é difícil de achar pq poucos trabalham por amor ou para se realizar.

      Desculpe não poder ajudar.

  7. Caros, alguém pode me ajudar?
    Eu tenho síndrome do pânico com extrasístoles. È comum o coração parecer que vai parar por uma batida mais leve e, depois, acelerar pelo medo que temos dele parar?
    No pânico, ele pode tanto acelerar como dar uma diminuída? Por favor, me ajudem a esclarecer esta dúvida, pois ontem nem dormi direito por causa disto. Sei que é ansiedade, pois sou uma pessoa ansiosa, mas tenho medo de ter algo além disto, mesmo que exames não comprovem. Se for normal an síndrome, tudo bem. Aguém já morreu porque o coração parou neste estágio?

    1. Bem vindo Antônio,

      Entendo pouco de ansiedade e depressão, afinal sou apenas um blogueiro que teve a grata surpresa de ver um post bobo virar um ponto de encontro para as pessoas se ajudarem!

      Em todo o caso eu já senti ansiedade e depressão, não do tipo patológico, mas daquele tipo que acontece em situações muito tensas.

      Pois bem, em algumas das vezes eu senti como se o peito etivesse vazio e o coração batesse fora de ritmo. Muito louco, mas acho que é um fenômeno normal da tensão nervosa.

      Creio que se os exames não mostrarem nada errado vc não precisa se preocupar.

      Mas é sempre bom levar isso para o seu médico e pedir a ele para te orientar direitinho!

  8. Olá, Roney.
    Gostaria de saber a posologia para o rivoreil 0,5mm. Eu tomo meio de manhã e meio à noite, mas, quando tenho uma ansiedade ou medo de alguma coisa, como, por exemplo, estar em público, meu coração dispara, parecendo que vai parar. É normal, isso?
    Outra coisa, na bula do rivo não diz, mas COMO devo tomá-lo? Antes ou depois das refeições? E teria algum problema tomálo após o café e após o jantar ou deve ser com o estomago vazio?
    No aguardo das respostas.

    1. Ih! Olha só, eu não sou médico nem nada parecido! E mesmo que fosse acho que os médicos analizam a posologia dependendo de cada pessoa.

      Se vc der uma lida no meu post lá em cima vai notar que eu nem sabia o que era Rivotril!! :)

      No seu lugar eu procuraria um médico especializado para ver o que ele te sugere. Será que a rede pública presta este tipo de atendimento? Eu acho que devia…

  9. Roney, vc poderia me tirar uma duvida. Eu fico navegando em sites e vejo que as opiniões sâo controversas. Dizem que sindrome do panico nao mata, mas que podem, pela ansiedade, trazer problemas do coração e cancer. Vc acha isto certo? Li post de pessoas que tem a sindrome a 20, 30 anos e nunca morreram. Li, tbm, que o coração só aguenta até 100 batidas por mito, Acima disto, teríamos que tomar medicamentos. poxa, então, quem tem síndrome, pode ter uma morte súbita pelos altos batiemntos ou quem apenas é cardíaco pode ter? Sei que não é médico, mas, por favor, pergunte para alguém e me responda. Preciso ficar mais tranquilo. Não sou cardíaco, mas, às vbezes, emu coração, pela sindrome, vai a mais de 100. terei um show para fazer esta semana e, com certeza, ele irá quase a 180, pelo medo. Poderei morrer no palco?
    Abraços,
    O Andrey não responde mais?

    1. Rodrigo, realmente é meio complicado falar sem ser médico, né?

      O que posso fazer é dar os seguintes pitacos:

      1- Eu pratico taekwondo e te garanto que o coração pode ir fácil a 160, 180 batimentos por minuto. Um atleta tem batimentos entre 60 e 80 em repouso e no pico pode chegar a quase 200. É claro que estes altos batimentos não são muito bons em quem é sedentário, mas creio que vc não precisa de mais um medo antes de entrar no palco.

      2- Conheço algumas pessoas que sofrem de ansiedade, depressão ou síndrome do pânico e tenho a impressão que só casos muuuuuuuuuito sérios podem levar a risco de vida pelo estresse físico. Como eu disse, acho que você não precisa se encucar com mais isso.

      O que tenho observado é que estes distúrbios do humor são extremamente cruéis pois mexem com a nossa mente e enfraquecem nosso espírito fazendo tudo parecer pior.

      Tenho a forte impressão de que grande parte do processo de cura envolve o fortalecimento do nosso espírito achando forças lá dentro para dizer a nós mesmos que somos maiores que este problema, que sofremos de pânico porque vivemos o mundo mais intensamente, coisa que muita gente sequer se atreve a tentar.

      Para mim síndrome do pânico, depressão e ansiedade são ferimentos que os heróis e guerreiros deste milênio sofrem, sabe?

      Em todo o caso, se for possível, acho que vale a pena ver o que um médico diz. Tenho certeza de que ele também te tranqulizará, mas pode ser que ele também te indique um outro remédio para reduzir a taquicardia que é mesmo angustiante! Eu mesmo já senti!

      O Andrey anda sumido, talvez envolvido no fina da faculdade de medicina ou simplesmente deixou de acompanhar aqui. Aliás, sempre achei e continuo achando incrível que tanta gente tenha se reunido em torno deste post! Isso não é comum…

  10. Isso, acho que não tenho que me preocupar. primeiro, não faço exercícios, mas não sou parado, pois trabalho, faço trabalçhos domesticos, subo escadas rsrs. Não tenho problemas cardíacos. Só que, quando fico agitado, pois vou encarar público, meu coração disparar muito. Minha esposa já me disse a mesma coisa. Até 200 posso suportar, pois é uma emoção sadia. O que não pode é uma emoçãod e Raiva, angústia. Isto sim, pode desencadear problemas sérios. UFa. pelo menos sei que quando meu coração está a 70 e muda para 110 está dentro dos padrões normais, visto que tenho ansiedade e sindrome. Obrigado. Vc é do RJ? Se for, poderia ir ao show….
    E a Camila, que ajudava muito, por onde anda?
    Minha esposa disse que vc está correto ao exteriorizar a espiritualidade.

  11. Olá Rodrigo, estou aqui rsrsrs….sumi um pouco p q estou estudando igual doida pra prova da OAB….será dia 14/09…..mas fiquei feliz q tenha sentido minha falta.
    Li seu post, e pode ficar tranquilo q síndrome do pânico não mata, é uma doença sim, mas benigna.
    As pessoas q morrem de infarto, ataque cardiaco, tem já as predisposições pra isso, como hipertensão, hereditariedade, vinculados com sedentarismo e cigarro….
    Portanto, fique tranquilo e arrase no show rsrsrs, te garanto q nao vai morrer de “ansiedade” e nem de “pânico”
    Um gde abraço

  12. tomo rivoltril a uns 5 anos, nao sou viciado, digo isto porque ja parei por mais de 3 meses com a medicação e so voltei prq meu transtorno de ansiedade generalizada estava alto e minha médica me pediu para que eu voltasse com o rivoltril (tinha parado por conta propria), consigo sim viver sem rivoltril mas a doença, TGA, tbm nao me deixaria em paz, acabei parando com a terapia , Muuuuitto cara por sinal e com o antidepressivo, hj em dia so tomo meio comprimido de rivoltril 2mg, e vivo bem. Quanto a questao do uso do rivoltril em raves isto serve para dar um FREIO no organismo pois quem toma rivoltril em rave ja usou alguma coisa mais forte tipo cocaina, extase que deixam a pessoa muito agitada, quando voltam para casa tomam o rivoltril para baixar a enorme euforia causada por outras drogas pesadas, digo isso prq amigos que frequentas essas festa ja me pediram rivoltril para essa finalidade e chamada de ROCHA nessas festas

    1. muito interessante… Más os disturbios podem sim existir… eu sou uma prova disto. uso o rivotril ha 1 ano, meio comprimido de 0,25 p dia e não consigo parar. ja fui dependente de alcool. mas não drogas

  13. Caros, pareio o tratamento com rivotril a mando de minha psicóloga e estou me sentindo muito bem. Desde quando aceitei as crises, elas passaram.
    Só que peguei uma gripe forte e meu coração está a 120bpm. Ouvi falar que este batimento acelerado é normal quando o corpo está gripado ou coim alguma virose ou febre. É verdade? Ou será que realmente tenho problemas no coração (ou pelo menos acho).
    Não achei nada na net que me tranquilize sobre o coração suportar até 150bpm. Estou com medo de ter algo.
    Me ajudem, por favor.

    1. Rodolfo, náo sou médico, acho sempre bom dizer, mas pratico esportes e sei que nosso coração pode ir a 168 batidas por minuto sem grandes problemas. Aqui tem uma tabelinha com o cálculos de freqüência máxima e mínima durante esportes:
      http://moourl.com/owkzz

      Como faço esportes meu batimento em repouso fica abaixo dos 80, mas uma pessoa sedentária pode chegar fácil a uns 100 em repouso, Mesmo assim não é muito legal vc estar indo a 120. Vc está usando algum destes remédios para desobstruir o nariz? Ouvi dizer que eles podem acelerar o batimento…

      Aqui tem outro artigo falando em batimentos cardíacos durante exercício:
      http://moourl.com/zo5l0

      Na minha opinião de leigo, se vc está com essa frequência em repouso acho que vale a pena procurar um médico, mas se foi medido depois de um violento acesso de tosse ou crise de falta de ar… Bem se a tosse tá tão violenta ou a falta de ar tão séria também acho que vale a pena procurar um médico, nem que seja público.

      Digo isso não por achar que vc está com um problema sério, mas pq deve ter remédios para vc se livrar logo dessa gripe sem sofrer tanto!

  14. Roney, gostei muito da sua explicação. Eu melhorei da gripe e meus batimentos em repouso, sem gripe, são de 75 a 85, às vezes, 67, ou seja, bons. Na gripe foram 126bpm. Eu lique a frequencia aumenta por causa da quentur, ou seja, eu com febre, deitado debaixo de cobertores, aumento a minha frequencia.
    Então, deduzo que os 126 não são prejudiciais, uma vez que nada aconteceu comigo e eu estava com uma gripe muito forte. O problema é a cabeça e os textos desesperadores que lemos. Ficamos meio neuróticos e hipocondríacos. Achamos que vamos morrer. E, outra coisa, não podemos acreditar em todos os textos que lemos, pois eu li um que dizia que uma gripe forte pode desencadear um enfarto. Nunca li sobre isso. ontem foi a primeira vez, ou seja, muitos profissionais podem errar.

  15. Tenho 42 anos, e faço o uso do Rivotril a uns 8 anos. Confesso que passei por uma situação crítica (constantes crises de pânico), após uma separação turbulenta de um relacionamento com filhos e etc…, o que me deixou bastante abalado emocionalmente. Confesso também que resistí ao máximo a fazer o uso de drogas. Tentei a homeopatia Pois sou vegetariano (há mais de 15 anos), fazia massagens relaxantes todos os dias, fiz aculpuntura, chás, florais…enfim, depois de mais de 15 anos sofrendo com o pânico e infelicidade, eu procurei um psiquiatra que me receitou um antidepressivo tricíclico junto com o rivotril e resolví aceitar, pois não tava aguntando tanto sofrimento. Eu ia ter um poblema sério se não procurasse ajuda desses profissionais. Hoje levo uma vida normal, voltei a praticar o surf que já pratico há 30 anos e que tinha parado quando enfermo, pedalo, nado, corro,caminho, faço caça submarina enfim…tenho uma vida de atleta e já fazem 3 anos que parei com o antidepressivo e uso somente o rivotril. A mesma dose de 8 anos atrás (2mg dia) tomo metade de manhã e a outra à noite, faço exames da função hepática periodicamente, etc… Queria saber de vcs que são “expert’s” no assunto rivotril…rsrs, se esse medicamento pode causar algum outro prejuízo à saúde? a que órgão do corpo? pois, não pretendo parar com ele nem aumentar a dose, quero sim, levar a vida normal que levo hj. Tive que abrir mão de hábitos como a “velha cervejinha” de fim de semana (hj tomo Liber) e outras drogas que usava como maconha e cocaína (parei há mais de 10 anos). Pra finalizar, parabéns pela pagina fantástica em que nós, que sofremos de ansiedade podemos discutir e interagir sobre esse assunto sério que só nós sabemos o quanto. Ah! Passei por várias religiões nesse período: Centro Espírita, Igrejas Evangélicas, Messiânica,Católica, Candomblé, Budismo…e descobri que temos a centelha Divina e podemos nos conectar diretamente com Deus e sozinhos, meditando e conversando diretamente com nosso criador. Abraço a todos!

    1. Newton, vc pode usar tranquilo o Rivotril (desde que acompanhado pelo seu psiquiatra) o resto de sua vida se necessário. Não prejudica orgão nenhum, pois vc está colocando uma substância em seu organismo da qual vc precisa para controlar constantes picos de ansiedade, que talvez vc não conseguisse sem o uso do Rivotril.
      Conheço pessoas que usam há mais de 20 anos sem prejuízo algum da saúde.
      Fiquei muito feliz qdo li em seu comentário que “abriu mão da macinha e cocaína” pois estas sim fazem mt mal à vários órgãos de seu corpo, podendo te levar à morte!!!
      Seja bem vindo ao nosso fórum e continue firme com sua conecção com o Divino Criador, pois sem ELE não somos nada….
      Grande abraço!!!

  16. Pôxa Camila, obrigado. Confesso que to com a consciência menos pesada, só de saber que seu amigo usa há mais de 20 anos e tá bem. Pode deixar que eu continuo firme no meu propósito e me conecto várias vezes ao dia com o Criador. Acredito que precisamos usar essas substancias por um período, para resolvermos algum problema que temos ou estamos passando, como no meu caso: a separação. Sei também que ainda tenho probleminhas a serem resolvidos, por isso ainda uso, mas, qd eles acabarem, ou minimizarem eu páro de usar o rivotril, enquanto isso…vou levando. Ah! qt ao erro de português (macinha)- que na verdade foi de digitação, Marcinha (macinha) é o nome de minha ex e também é uma droga fortíssima e que colaborou mt pra que eu passase por isso…kkkk. Brincadeirinha, mas, real!!! sei que já tinha uma pré-disposição…rsrs. Gd Beijo!

  17. Vou manter a pessoa anônima pq ela mandou pelo formulário de contato, tá gente?

    “eu tomo anafranil de 25mg ,conazepan de 2mg e propanolol , tenho a sindrome do panico ,, eu nao estou no meu normal , fiquei internado numa psiquiatria de portugal 4 meses , uns tempos atras eu tomava esse anafranil de mais que o pisiquiatra passou e me sentia dono do mundo ,e comecei a soltar cheques , e esses cheques foran considerado sen fundos , e agora o que eu faço ,não tive culpa ,até hoje não entendo o que fiz, provavelmente eu estava dopado nao é?”

    1. Seria a euforia do medicamento essa compulsão em soltar os cheques????? Estranho…..só um médico mesmo pra responder!!!!

  18. Tenho 28 anos e transtorno de ansiedade e, do nada, meu coração dispara, indo a 150 batimentos. Fico enjoado, sem fome, dormente, mas depois volto ao normal em 20 / 20 m. Minha frequencia cardiaca em repousa é de 90 a 100, indo a 105 as vezes. Isso é enfarto ou é pq sou hiperativo e estressado pelo transtorno. São sintomas de ansiedade clássicos? Alguém já teve isso de batimentos exagerados? Isso mata? Estou com muito medo…. Tomo calmante homeopático e rivotril.

  19. Bom, Achei que também deveria colaborar com esses depoimentos!
    Tenho já uma certa vivência com o Rivotril, pois tomo desde os 15 anos, e foi depois de uns 2 anos descobri a adolecencia e o alcool, a aprtir dai comecei a dar muito trabalho para minha familia. Hoje com 25 anos, procuro manter o controle pois o efeito do rivotril (no meu caso 4mg por dia)e da sertralina (3 comp de 50 mg) que tomo é um verdadeiro coquetel, uma bomba no caso, e para completar consumo alcool de final de semana com todos esses medicamnetos…
    Sinto mais depressivo de segunda e terça logicamente, mas o que mais me preocupa é o efeito que me causa, fico muito mais loko que as outras pessoas que bebem comigo e aguento beber mto mais que eles,esqueço de quase td que acontece quando faço a mistura com o alcool. Uma mistura de 4mg de rivotril que tomo todo dia para dormir e 150 de sertralina ( ZOLOFT )e alcool de final de semana, hj um pouco mais experintente que a 10 anos atraz, não estou mais vendo graça nisso. Hoje me preocupo muito com a saúde e gostaria de saber quaiz os efeitos que isso pode me causar a curto e longo prazo? Acho que essa era uma pergunta que algumas pessoas se fazem! Espero poder ajudar com meu depoimento!

    1. Oi Fábio, seja bem vindo!

      Acho sempre bom dizer que não sou médico e nem tenho qq experiência com o Rivotril, se vc der uma lida no meu post verá que ele é justamente uma brincadeira com a minha ignorância a respeito dele na época.

      No entanto, depois de todos os comentários que pintaram aqui acho que posso arriscar uma opinião de vez em quando. :-)

      Me parece que o Rivotril e outros remédios similares jamais devem ser associados a bebida e que os riscos para sua paz de espírito e saúde são bem altos.

  20. Mandaram pelo formulário de contato, não faço idéia do que significa, mas resolvi colocar aqui no mínimo pq achei divertido:

    “Como chegou aqui:pelo google em nome de todas as raras doenças da garganta
    “Mensagem: estou pronto.?”

  21. Caros, alguém poderia me ajudar em uam coisa? Seguinte. Tenho ansiedade e pânico. Tomo rivotril para conter mas, às vezes, não adianta muito. Li que não morremos disso, o que me deixa mais tranquilo, mesmo sabendo que a taquicardia por ir a 240, como em um caso que li.
    O que gostaria de saber é se podemos ter a síndrome durante o sexo ou masturbação?
    Sou casado e quando tenho relações tenho taquicardia – até aí normal. Mas quando a uestão da masturbação vem ou eu penso apenas na relação sexual, começo com palpitações e taquicardia. O ato em si tem função de liberar a ansiedade e adrenalina?

    1. Oi Leandro, seja bem vindo aqui no meu blog!

      Quando escrevi esse post não fazia idéia do que era Rivotril e além do mais sou da área de informática e não medicina, mas ao longo dos 3 anos e mais de 200 comentários neste post acho que acabei aprendendo um pouco, afinal leio todos os comentários!

      Tenho a impressão de que essa sensação de taquicardia é normal em crises de ansiedade ou depressão, é o nosso sistema de defesa se acelerando, entende? É parte dos sintomas, mas não deve ser preocupante, aliás, talvez o melhor a fazer seja desencanar.

      Durante o sexo então… Bem, eu não tenho nem depressão e nem ansiedade, mas meu coração vai a mil! Hehe! Será que não é a aceleração normal do sexo?

      Em todo caso, mesmo achando que não é nada sério (120 pm como vc disse no comentário abaixo pode ser bem normal) sempre vale a pena ver um médico.

      Cada um de nós tem um preparo físico e nossas peculiaridades. Quem pratica muito esporte, por exemplo, tem o batimento em repouso bem baixo (60 ou 70) e suporta batimentos muito mais altos. Uma pessoa sedentária pode ter 100 bm em repouso…

      Na minha opinião o mais importante é vc manter a calma e, se achar que está passando mesmo muito mal procure um médico, certo?

  22. Estou esperando uma resposta no meio de uma crise. Estou com a frequencia 120 – o que não é tão alto assim… gostaria de saber o msn da camila, ela que já teve isso – e tem – e nunca houve nada. As crises vão e vem sem nenhum problema. Tenho medo, mas sei que é sintoma do transtorno

  23. Olá, tomo rivotril aos 10 anos,sendo 35 anos,qdo descobrir que era bipolar não aceitei a doença tentei suícidios pq doença é horrivel tive 2 internações e posso garantir que o rivoltril foi um remedio que juntamente com Deus salvou mha vida nos ataques de panicos e mania bastava tomar 2 cpr que dormia e acordava melhor sempre acompanhado de anti depressivo terapias e busca com Deus.Sou a favor da droga para pessoas que tenham doenças diagnosticadas e ajudam a melhoria da qualidade de vida.Quanto ao fato de viciar por 2 anos fiquei sem nehuma medicação onde fiz dois anos de facu mais infelizmente doença voltou e e me deram monte de estabilizadores mais voltei ao antigo rivoltril.Rivoltril é medicamento antigo e dou todo crédito a ele pois muitas dores podem ser amenizadas como mortes decepçoes até a cabeça ficar em ordem.Pr quem não tem doenças ficar tomando remédio por conta e uma ingnorancia, esclarece não bebeo,fumo, nem uso drogas ílicitas apenas rivoltril e fluoxetina prescrita por psiquiatra e superei muitos desabores e vivo uma vida tranquila abs tdos

    1. Oi Leila! Obrigado por juntar sua voz a tantas outras que já passaram aqui!

      Já disse isso antes, mas digo novamente: Esse post é a maior alegria desse meu blog!

      O carinho com que você e outras pessoas chegam aqui e compartilham um pouco de esperança e experiência é uma prova de que nós humanos somos muito legais!

  24. Tomo rivotril há mais de 10 anos.
    Já cheguei a tomar uns 10 mg – é isso mesmo,
    5 cp de 2mg – por dia!

    Peço ENCARECIDAMENTE que quem tiver uma prescrição
    desse remédio, que TENTE OUTRA COISA!
    NÃO comece a tomá-lo.

    Já tentei parar diversas vezes, sem sucesso.

    1. Lucy, boa tarde querida, estava lendo seu post mas temos que deixar claro q cada caso é um caso.
      Não estou fazendo apologia ao rivotril de forma alguma, mas se o médico psiquiatra (que estudou mais de 6 anos) prescreveu para o paciente essa medicação isso significa q a pessoa pode estar precisando dele no momento!!!
      Vc tmoava altas doses pelo q colocou aqui, 10 mg é muuuuita coisa em…..mas volto a repetir, o médico trata cada paciente individualmente e vc noa pode colocar q pede ENCARECIDAMENTE PARA TENTAR OUTRA COISA….
      Eu por exemplo tomo há anos, tomei 2mg, 1mg e 0,5 mg e ja parei 2 vezes e nunca tive crises terríveis de abstinência pois o médico tb acompanha a retirada do medicamento, q é feita gradativamente!!!!

      Espero ter esclarecido, pois tomo há mts anos, posso não ser médica, mas do rivotril eu garanto q conheço um pouco dos prós e dos contras rsrsrs

      Abraço e fica com Deus

  25. Lucy, boa tarde querida, estava lendo seu post mas temos que deixar claro q cada caso é um caso.
    Não estou fazendo apologia ao rivotril de forma alguma, mas se o médico psiquiatra (que estudou mais de 6 anos) prescreveu para o paciente essa medicação isso significa q a pessoa pode estar precisando dele no momento!!!
    Vc tomava altas doses pelo q colocou aqui, 10 mg é muuuuita coisa em…..mas volto a repetir, o médico trata cada paciente individualmente e vc nao pode colocar q pede ENCARECIDAMENTE PARA TENTAR OUTRA COISA….
    Eu por exemplo tomo há anos, tomei 2mg, 1mg e 0,5 mg e ja parei 2 vezes e nunca tive crises terríveis de abstinência pois o médico tb acompanha a retirada do medicamento, q é feita gradativamente!!!!

    Espero ter esclarecido, pois tomo há mts anos, posso não ser médica, mas do rivotril eu garanto q conheço um pouco dos prós e dos contras rsrsrs

    Abraço e fica com Deus

    [Comentar]

  26. Toda doença oriunda do cérebro (transtorno do panico,epilepsia,depressão e outras) são doenças reais como outras quaisquer: cancer, gastrite e etc.

    E como doença deve ser tratada como é e não com misticismo, do contrario vai passar a vida inteira com aquilo,o que é terrivel.

    Eu tomo rivotril a 2 anos, porque eu tenho transtorno do panico, realmente ja nos primeiros dias ele elimina todos os terriveis males desta doença : coração batendo, falta de ar, suor, medo e etc.Porém também faço terapia e tomo um anti-depressivo (que não é tarja preta), o rivotril por si não cura nada ele só impede os sintomas de aparecerem.

    Porém tem gente (como em outros remédios) que tem tomado rivotril para “ficar legal” e isto não funiciona, ao contrário: pode até gerar uma doença cerebral por tomar remédios sem precisar.

    E outra: quem nunca sentiu transtorno do panico não sabe o que é, para exemplificar tem um ditado que diz : “eu não desejo isto ao meu pior inimigo”, o que é verdade.

  27. Marcos concordo com vc completamente….em tudinho que vc disse!!!!
    Eu tb não desejo o TP nem pra meu pior inimigo….é mt duro passar por isso não?
    Mas e agora? como vc está? está controlado?

    Um abraço

  28. Caros, tenho a sindrome e fobias. Tomo rivotril 0,25 de manhã e -,25 a noite para controlar, o que ajuda. Só que quando me apresento em público meu coração dispara e demora a voltar ao normal. Hoje meu rivotril acabou e estou sem receita. COmo tenho que trabalhar, tomei Alprazolan, pois dizem que tbm ajuda. Isto é verdade? Ele desacelera o coração e bloqueia os sintomas como o rivotril? Eu aina estou com o Rivotril no sangue, mas como não tinha e fico muito ansioso tomei o Alprazolam. Algum problema? Tomei bem pouco, 0,25.

  29. Gente, veja se vcs podem me ajudar. Eu tinha muitas taquicardias, indo a 130bpm durante um mês. Depois que parei com o rivotril e tomei um Lexotan e me conscientizei que nada tenho, agora meço a pulsação e está sempre 62, 65, 71bpm. Vcs acham que isto é mau? Isto é pq eu tomei um remédio que me deixou mais tranquilo ou pq estou com problemas? Alguém em repouso fica com coração 62/65 e em movimento 90bpm?
    Abraços

    1. Nossa! Este é o comentário mais estranho que recebi até hoje!

      Gostaria de saber o que te levou a crer que esse blog tem algo a ver com o Google!

      Também gostaria de entender o que vc tá perguntando! :)

  30. O que pode acontecer comigo se tomar 1 cx de rivotril 0,5mg com 30 comp. ?
    Acontecerá alguma coisa de mal?
    Me respondam, com a maior da precisão possivél!

    1. Oi Ionara,

      Puxa, não faça isso! Porque vc teve essa idéia?

      Sei pouco sobre o Rivotril e nem sou médico, mas sei que qq coisa só é boa na medida certa, né? Principalmente um remédio forte como esse.

      Ele pode nem ser o remédio certo para vc.

      Em que cidade você mora? É comum ter bons médicos fazendo atendimento gratuito em universidades.

      Pode ser que tudo que vc está sentido possa passar com um remedinho bobo, ou vc pode se auto-medicar e se sentir pior, entende?

      Sabe, geralmente são justamente as pessoas mais legais que se sentem mal assim…

      Vc me promete que vai procurar alguém para te receitar a dose certa do remédio certo?

      Para que se sentir pior se a gente pode se sentir melhor, né?

  31. Boa tarde…Roney
    Há dois anos eu sofro de algo que nunca sei de verdade o que é, já foi diagnosticada como epilepsia, transtorno bipolar pelos neurologistas, mas após um segundo eletroencefalo não acusou nenhuma doença do sistema nervoso, apenas no 1º eletro, com isso o neuro me passou para um psiquiatra e ele disse que era crise de ansiedade generalizada e sintomas de pânico e me receitou o rivotril: 2 comp ao dia, no inicio do tratamento a dois meses atras cumpri direitinho, mas no meu periodo mestrual tive uma crise muito forte de nervosismo e perguntei para o meu médico o que podia fazer e ele disse que se continuar assim ele passará mas um outro remedio na minha proxima consulta que só será no final de janeiro.
    Então, ontem eu estava extramamente nervosa por estar de tpm e ñ sabia o q fazer, pois depois da ultima consulta passei a não tomar o rivotril do jeito que o médico receitou pois tomava um comp de manhã e me deixava mt lerda e sofri muito com a discriminação dos colegas da escola me zoando o tempo inteiro, e isso prejudicou até meu rendimento escolar, por isso parei de tomar pela manhã e só tomo a noite e as vezes qdo qro para dormir. E ontem no auge do nervosismo queria fazer alguma coisa que amenizase o sofrimento mas resolvir dormir ou pelo menos tentar dormir para aliviar e não fiz nada…mas mts vezes passa pela cabeça acabar com a caixa para ver se passa e até mesmo cometer suicidio.
    Meu nome é Ionara Fernandes, tenho 16 anos moro em niteroi-rj e me trato no instituto fluminense de saude mental (particular)nunca procurei as universidades daqui para esse tipo de tratamneto, namoro a 3 anos e 4 meses um garoto Rafael Oliveira que tem uma pequena parcela de culpa nesta suposta doença que nunca sei o que é. Me desespero pq acho que não tenho idade para tomar essa droga no mesmo minuto que tenho mt medo d sofrer efeitos colaterias com o rivotril tenho vontade de tomar todos os comprimidos para dar um fim de vez!

    Me ajuda!!!

  32. Lonara, nao faça isso em hipotese alguma(tomar essa quantidade de medicamentos) digo isso prq ja fiz isso, tomei na faixa de uns 40 comprimidos de rivoltril 2ml graças a Deus nao morri, na epoca em parte minhas crises se desencadearam em geral por parte afetiva, quanto tomei essa quantidade de medicamento preocupei muita gente querida que depois passei a ver o quanto se preocupavam comigo tenho crise de panico e ansiedade, mas nao faça isso nao, se quiser conversar ou qualquer outra pessoa add [email protected]

    1. Olá Daniel,

      Bom penso mt em fazer isso qdo estou em crise e olho aquelas caixas que me fariam dormir para esquecer o momento de raiva, mas tomo 2 ou 3 e peço para papai do ceu me ajudar ai vem o sono graças a deus!
      Sempre acontece isso qdo brigo com alguém ou lembro de algo que me irrita, você deve me comprrender pois tenho as mesmas coisas que você e só mas um agravante a tpm, só é uma desgraça mesmo-rs-
      Já te add no meu msn [email protected]

      Mas gostaria mt de saber o que aconteceu com vc qdo fez a tal besteira.

      bjs

  33. Lonara, nao faça isso pelo amor de Deus….olha só vc é mt jovem tem uma vida linda pela frente!!!
    Sofri mt tb e ainda passo uns mal bocados….pois tb tenho esse tipo de TPM, q no nosso caso é chamado DISFORIA PRE MENSTRUAL…seria uma TPM mais grave….
    Mas olha só, já existe medicamento para esse problema com resultados maravilhosos….
    Isso vai passar, acredite em mim, não faça uma loucura dessas num momento de crise q sabemos ser passageiro.
    Pode me add no MSN viu a qquer hora para conversarmos….mantenha a calma e nesses momentos de desespero ore a Deus!!!!

    Um grande beijo e fica com Deus

    PS: Meu msn é [email protected]

    1. Olá Camila…
      Já tomei a liberade de lhe add a uns tempos atras gostei dos seus cometários e a muito tempo leio estes post…
      Bom agora to mas calma…e o cometário foi momento de nervosismo agora passou…
      Bom além de ansiedade e panico…qdo estou para mestruar ficou extremamente nervosa…to tentando esperar a prox consulta para ver o q o médico diz em relaçõa a isto pq eu fico insuportavél…
      Em alguns momento0ss da para falar com Deus, mas em outros fica impossivél…

      bjão
      obrigada!!!

      1. Não vi seu convite pra te aceitar no MSN , mande novamente, e estou mt mt feliz q vc ta melhor e esta mais calma sem esses pensamentos….
        Beijao e espero vc para um papo melhor no MSN

        Que Deus continue te protegendo!!!!

  34. [Ficha Técnica: 4 anos de uso de Rivotril 0,5mg, 29 anos de idade, sindrome do panico]

    Galera,

    li o blog inteiro, é bom saber que compartilho o mesmo sofrimento e a mesma paixão de todos pelo Rivotril! hahaha Olha, eu já parei de tomar Rivotril várias vezes (já fiquei 1 ano sem tomar), 3 meses, 2 meses, recentemente fiquei 1 mes. Só consigo parar quando eu corto ele de uma vez. Na primeira semana eu fico igual qualquer drogado em abstinência, não consigo dormir direito, volta o aperto no peito e tudo mais. Mas depois da primeira semana começa a melhorar.
    MAS, minha vida quando eu estou tomando Rivotril é MUITO melhor, todos as dores no corpo, temores e tremores desaparecem.

    Já tentei lutas, esportes, psicologo e tudo mais. Nada disso resolve meus problemas. Só falta agora tentar acreditar em Deus e tentar medicina oriental, pq o resto eu já tentei.

    PERGUNTA: Se eu tomar Rivotril 0,5 mg/dia pelo resto da vida, o que pode acontecer comigo no melhor caso, no caso médio e no pior caso?

    Luís

  35. Caros, tenho transtorno de ansiedade e síndrome do pânico. Hoje tive uma crise e minha pulsação e taquicardia foi a 130, pelo menos o que eu marquei. Gostaria de saber quanto tempo dura uma crise, pois meu coração demorou para parar e voltar ao normal (83 batimentos por minuto).
    Agradeço a resposta.

    1. Oi Gustavo,

      Quanto tempo demorou para o seu batimento voltar ao normal?

      Acho que pode demorar um bocado mesmo caso você não pratique esportes. Se bem me lembro o tempo de retomada em esportistas é na faixa de um minuto. Alguém me disse isso uma vez…

      1. Mas eu tenho transtorno de ansiedade. Meia-hora, quase uma, para eu ficar sem nenhum sintoma. Fiquei tremendo, febre, taquicardias. Até que não foi alta, pois já vi gente com 180 de batimento. Só que às vezes a minha volta rapidamente. Desta vez foi mais demorado. Mas acredito que, pelo que li, é o tempo que dura uma crise de pânico e ansiedade.

  36. Mas eu tenho transtornod e ansiedade. Meia-hora, quase uma, para eu ficar sem nenhum sintoma. Fiquei tremendo, febre, taquicardias. Até que não foi alta, pois já vi gente com 180 de batimento. Só que às vezes a minha volta rapidamente. Desta vez foi mais demorado. Mas acredito que, pelo que li, é o tempo que dura uma crise de pânico e ansiedade.

  37. Roney, tudo bem? Gostaria de solicitar a você e todos os presentes neste blog um auxílio. Sou terapeuta holístico (Florais de Bach, Reiki etc.) e portador da Síndrome e Ansiedade há 1 ano. Tudo começou com medo. Após algumas verificações feitas por mim, pude comprovar que a maioria dos casos de ansiedade e pânico se origina do MEDO, seja de algo pequeno ou grande. Todos estão envolvidos com o medo. Dentro deste quadro, decidi organizar um livro sobre a Síndrome do Pânico, passando pela ansiedade, uma vez que a síndrome está contina na ansiedade, e a influência dos florais de bach no tratamento do mesmo, como forma alternativa.
    Para o tal livro estou estudando um pouco mais a síndrome, lendo, conversando e gostaria de colocar alguns casos neste volume. Claro que não colocarei os nomes reais dos colaboradores, mas suas histórias. Gostaria de saber se você poderia conseguir para mim relatos de pessoas com a crise, como se originaram ou o que despertou esta doença da alma. Lembrando que é apenas sobre “Pânico” e que mudarei e reformularei tais informações, claro que sem maquiá-las. Todas as pessoas que contarem seus relatos estarão em segurança, pois não revelarei os nomes. Nenhumas delas terá ônus sobre a presente obra, que isto fique também claro. Acredito que poderei levar ajuda a mais pessoas com o presente projeto.

    Envie a resposta para o meu e-mail por favor.

    [email protected]

    Abraços.

    1. Tenho essa dúvida… A síndrome do pânico pode ser provocada pelo estado de medo constante em que a mídia nos coloca ou ficamos suscetíveis a isso quando começamos a ser afetados pelos primeiros estágios da síndrome?

      Eu acho que florais e abordagens holísticas podem ser excelentes auxílios para o tratamento e vou torcer para o seu livro ficar bom!

      Creio que você pode usar todas as histórias que achar em blogs como esse afinal são espaços abertos e quem escreve aqui sabe que será lido por um número indefinido de pessoas.

      Ainda assim acho prudente você omitir os nomes.

      1. Roney, agradeço a tua resposta.
        Sobre a pergunta, temos que levar em consideração cada caso, pois ambos são corretos. Por exemplo, no interior, em locais que a mídia não chega (e existem) pessoas podem desenvolver a síndrome sem influência alguma, apenas por um desequilíbrio hormonal e baixa serotonia. Já nas grandes metrópoles, podemos ser levados a desenvolver o pânico influenciados por acontecimentos próximos ou até mesmo auto-sugestão. Se eu começar a ler sobre problemas do coração e for uma pessoa sugestionável, poderei começar a ter medos justamente do que eu estou lendo (muitos pacientes com síndrome possuem medo de morrer do coração, o que não é uma verdade). Se, por um outro lado, um colega seu sofrer algo que o deixe amedrontado, você começa a se colocar no lugar dele, passando a sentir as mesmas aflições e angústias. O terapeuta floral trata todos os males físicos como materializações de desequilíbrios mentais. Por sua vez a mente está interligada com o que chamamos de alma. Os florais atuam no corpo etéreo tratando as causas e não os efeitos.
        Sua resposta é: o pânico aparece tanto sugestionado quanto por uma desarmonia.

  38. Oi pessoal, hj sou eu q preciso de um help de vcs….
    A todos aqui q manjam de rivotril, estou com um problemão, mas precisaria de uma resposta meio q urgente!!!
    Vou à praia amanha e tenho PANICO de altura, como se não bastasse, com a construçao da Nova Imigrantes que é só túnel e nao vemos a estrada, tenho claustrofoboa tb, só de imaginar chego a suar frio aqui(nao tenho saída), é uma tortura mesmo!!! Portanto operação descida só DOPADA afeee…mas meu médico esta viajando e não atende celular, pois estou tomando o rivotril 0,5 há um ano direto, só que ele não faz efeito para uma situação desesperadora de pânico. Só o de 2,0 mg me dopa de verdade. Tomei já em situações de emergencia há um bom tempo atrás, acho que a última vez q tomei foi na minha ultima viagem pra praia no ano passado. Mas o efeito é forte, saio da realidade, fico grogue, quase apago mesmo, chego a sentir o coraçao bater bem devagarinho….
    Quero saber se corro algum risco tomando 2 mg amanha pra descer e segunda feira pra subir!!!!
    Por favor espero uma ajuda até amanha pra sanar minha dúvida…
    Bjs a todos

    1. Camila, já nos conhecemos pelo MSN.
      Também tenho problemas com altura e evito ficar longe. Nunca tomei o Rivo a 2mm, somente a 0,5, Só uso Lexotan 1,5 quando estou mal, porém, conheço um amigo que usa 2mm quando está com crises e tem que ir dormir, pois fica muito dopado. Acho que se vc se dopar não vai conseguir aproveitar a descida. Como vc tem pânico, acho melhor não descer. Quanto ao túnel, não se preocupe. Mantenha a janela aberta para o ar circular e, qualquer coisa, encoste o carro para respirar.

      ABraços.

  39. Nossa, que bacana encontrar esse site Roney, muito perfeito, parabéns pelo trabalho.

    Então Roney, sou muito ansioso, nervoso, já tomei 4 pals no exame de direção por ser muito nervoso cara, nossa quando aqueles examinadores entram carro, minhas pernas até tremem, meu coração me dá uma coisa ruim.

    Sou muito tímido também, isso me atrapalha muito,
    fui ao cardiologista, mas não foi para tratar sobre essa ansiedade, é que vou fazer cirurgia de Adenóide e precisei levar pra ele meus exames para o risco cirúrgico. Aí acabei falando com ele um pouco sobre essa ansiedade, ele me receitou o Rivotril 0,25 Sublingual. Comprei 2 caixinhas, mas ainda não tomei pois ele disse que era pra eu tomar apenas quando for acontecer algo que eu ficasse nervoso e ansioso, gostaria de saber depois que ele dissolvido em baixo da língua ele age até quantas horas em nosso corpo?

    Tem algum colateral?
    Obrigado. Ótima Tarde a Todos.

    Att,

    Cláudio!

  40. POXA, NINGUEM RESPONDEU MEU COMENTARIO ACIMA……SOBRE MINHA VIAGEM DA PRAIA…SNIF SNIF…
    AJUDO TODOS AQUI E QDO ME DESESPERO NADA!!!!!

    1. Camila, já nos conhecemos pelo MSN.
      Também tenho problemas com altura e evito ficar longe. Nunca tomei o Rivo a 2mm, somente a 0,5, Só uso Lexotan 1,5 quando estou mal, porém, conheço um amigo que usa 2mm quando está com crises e tem que ir dormir, pois fica muito dopado. Acho que se vc se dopar não vai conseguir aproveitar a descida. Como vc tem pânico, acho melhor não descer. Quanto ao túnel, não se preocupe. Mantenha a janela aberta para o ar circular e, qualquer coisa, encoste o carro para respirar.

  41. Gente, gostaria de uma ajuda. Tenho 28 anos e possuo sindrome e ansiedade ha 1 ano. Tenho uma vida sexual ativa e liberal. Eu e minha namorada víamos filmes adultos, e até mesmo eu, sozinho, fazia sexo manual em mim. Sempre fiz, desde os 15 anos. Depois que ela descobriu que eu fazia isso sozinho brigou muito. Em consequência disso, quando vejo algum filme e penso em me masturbar meu coração dispara muito, muito alto, só pelo fato de eu pensar. Se eu tento fazer, meu coração vai a 130 e depois tenho uma crise. Não posso mais me masturbar ou pensar, pois começo a tremer, palpitações etc.
    Vocês acham que isso pode estar associado a sindrome e a ansiedade? Seria isso um desencadeante de minha ansiedade?

    Abraços!

    1. bom, no meu caso uso o rivotril por ter sindrome do panico. nos casos de crise é o unico remedio que consegue me acalmar,mesmo assim não me viciei e não uso diariamente, somente qud. tenho as crises.para mim ele serve como um complemento no meu tratamento,e não me atrapalha em nada

  42. Vi algumas pessoas sugerirem meditação, esporte, etc como alternativas ao rivotril.
    Gente, há VÁRIAS opções: Sistema Hermético de Franz Bardon, Meditação Vipassana…só pra citar dois métodos que usei e comprovei.
    Usei Rivotril por 14 meses por conta de uma sindrome das pernas inquietas terrível e uma insônia do diabo. **Aliei o tratamento com as técnicas acima.
    Resultado? O rivotril me deu a força primal pra superar as dificuldades psicológicas e a “complexidade” que essas técnicas impõe, mas depois de dominá-las, NUNCA mais Rivotril!!! NUNCAAAA!!! Sou capaz de enfrentar meus dramas e até minhas pernas inquietas de frente(literalmente) por minha própria força de vontade. Sou uma mulher/esposa/mãe/filha mais completa do q nunca fui!
    Acreditem gente, é perfeitamente possível fazer uso do rivotril de forma temporária e crescer pessoalmente com isso. Me ofereço em ajuda para qualquer um interessado(a).
    Paz!

  43. Olá pessoal
    Tomo Rivotril há uns 2 anos (TIVE SINDROME DO PANICO… tomava rivotril + fluoxetina, da fluoxetina me livrei), até cheguei a ficar sem tomar o rivotril por uns 15 dias, mas passa um tempo é só eu ficar nervosa começa arritmia e volto a tomá-lo, a prescrição é d gotas pela manhã e antes d dormir, porém tenho conseguido tomar apenas a noite. Qdo não tomo antes d dormir, não tenho qualidade de sono, acordo frequentemente e tenho diversos pesadelos. Realmente… parece q estou dependente desse remédio e o o pior é q frequentemente qdo estou pegando no sono sinto muuuiiito frio, me disseram q é um dos efeitos colaterais dele. Quero parar, me ajudem se alguém souber d algo fitoterápico para ansiedade me digam, quero ser dona do meu sono novamente.

    1. Lara, existem muitos remédios fitoterápicos, entre eles Valleriana, Passiflora e Cactos, porém, são remédios de uso também controlado, mesmo sendo naturais.
      Acho que você pode utilizá-los com indicação médica.
      Mas continuo acreditando que os Florais de Bach são ótimos para a ansiedade e medo, e não possuem contra indicação alguma – comprovado pelo ministério da saúde.
      Procure um terapeuta e jamais largue os remédios alopáticos sem orientação médica.

    1. Em algum lugar que quer te fazer mal ;-)

      Rivotril é um remédio forte com efeitos colaterais perigosos e tenho certeza que nenhum médico se negará a receitar a dosagem certa para vc se vc precisar dele :-)

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>